terça-feira, 18 de setembro de 2012

O sistema de saude no Reino Unido (ou o Reino do Paracetamol?)

A melhor maneira de falar sobre qualquer assunto e ter tido uma experiencia real . Foi o que me aconteceu neste final de semana que infelizmente tive uma intoxicacao alimentar e necessitei usar o servico medico que aqui e gratuito. Ja irao entender como funciona e porque ha tantas criticas sobre ele. A partir dessa experiencia nao muito agradavel  senti a necessidade de abordar o tema  da saude que nao e o que mais me atrai, mas que e importante e ira esclarecer como funcionam as coisas aqui quando voce necessita de assistencia medica.


Em primeiro lugar quando voce vem residir neste pais voce necessita ter um endereco fixo para poder se registrar gratuitamente no seu local GP (General Practitioner) que nada mais e do que o medico geral do seu Borough (e mais do que um bairro, e uma sub-prefeitura) e que faz parte do NHS (equivalente ao INSS).  Sempre que ligar para marcar uma consulta  eles terao seus dados guardado la assim como todo seu historico de atendimento e saude. Independente do seu caso, voce sempre sera  examinado por um GP antes de ser encaminhado a um especialista. Cada Borough tem um numero X de Surgeries (clinicas) onde muitas vezes tambem oferecem exames laboratorais . Em geral os residentes  escolhem a sua clinica  atraves de dois quesitos: proximidade de sua residencia e indicacoes. Algumas clinicas sao menos recomendaveis do que outras.

Quando voce passa por uma situacao seria de risco de vida nao ha duvidas, voce liga direto para o numero 911 e uma ambulancia estara na sua casa em breve. Porem, se voce estiver se sentindo mal, mas nao for um caso de risco de vida e der a ma sorte de ser  num final de semana ,quando as clinicas estao fechadas,  voce devera ligar para um telephone do NHS  24h para pedir orientacao de uma enfermeira. Se ela nao puder lidar com o caso ela ira pedir que voce ligue para o GRABADOC (out of hours doctors )que estao de prontidao 24h em seu GP . Voce deixa seu recado numa secretaria eletronica com seu fone e eles ligam em ate 1h.  Se ele achar que o caso e serio so entao ira recomendar que voce va ate ele na hora ou entao encaminhara  direto para o hospital.

Quando voce esta aqui no pais como turista voce nao tem direito a ser registrado pelo  GP, mas pode ir diretamente a qualquer hospital publico que sera atendido muito bem, independente de sua situacao no pais. ( eles atendem qualquer paciente  mesmo estando illegal no pais).

Ate aqui tudo parece ser uma maravilha, e ate certo ponto funciona muito bem. Mas quando entramos na questao de avaliacoes e prescricoes e que eles realmente deixam muito a desejar.  Aqui brincamos com o famoso toma um paracetamol que passa. Eu ja escutei relatos de muitas pessoas sobre como foram atendidas e nao conheco um so caso onde o medico nao tenha prescrito o tal de paracetamol.Se por um lado no Brasil e exagerada a auto medicacao e uma certa hipocondria  generalizada aqui e o excesso da nao medicacao. Como nao sou um defensor da medicina tradional nao irei dizer que devem encher as pessoas de remedio, mas existem casos e casos.  Muito das doencas e seus  sintomas sao psicologicas mas e preciso avaliar isso muito bem. No meu caso, por exemplo, tive uma intoxicacao alimentar com uma  dor  insuportavel e depois de ter falado com 3 enfermeiras diferentes pelo telefone e mais um medico adivinhe que remedio me receitaram alem de tomar liquidos? paracetamol. Passei uns momentos bem ruins de dor que creio que poderiam ser evitado se tivesse tomado um antiespasmodico  (Buscopan) que era muito mais eficaz.

Ter atendimento gratis nos tranquliza muito, mas sempre nos deixa uma enorme duvida se realmente estamos sendo bem assistidos.  E um assunto muito polemico e nao sou especialista para me aprofundar mais, apenas queria relatar uma experiencia nao muito agradavel que passei e mostrar como usamos o sistema de saude como residentes.

segunda-feira, 17 de setembro de 2012

Voltando a normalidade apos tanta celebracao


Meus caros seguidores e amigos. Desculpe meu silencio nestes ultimos meses. Vou justificar e voces irao me perdoar.  Acontece que nos aqui passamos muito tempo com temperartuas muito baixas. Dias de neve, dias de ventos forte, dias de chuva ,entre outras doideras climaticas . Quando chega o mes de junho, mesmo com sua modesta media de 12 graus celsius e com luz do sol das 3h30 ate as 22h (as vezes ate um pouco mais) nos enlouquecemos e queremos aproveitar o maximo o dia, seja no parque, no pub, na balada , no rio, etc. o ultimo que queremos fazer e ficar em casa assistindo TV (embora eu nao faca isso nem no inverno). Desta forma, entramos em extase. A cidade fica numa vibracao indiscritivel. Voces podem perguntar isso para qualquer amigo que viva aqui. E unanime esta constatacao. Alem disso, o que foi que aconteceu durante estes meses? Todos devem saber ou ter ouvido falar que junho foi a celebracao do Jubileo da Rainha Elizabeth. O que nao faltou aqui foram festas, paradas, desfiles pelo rio, enfim, foi um mes recheado de atracoes para todos os gostos e idades. Mal terminaram as celebracoes e ja comecaram os Jogos Olimpicos. Nao pretendo me deter muito neste assunto agora porque ele daria muitos posts separados sobre diversos angulos, desde nivel de organizacao ate a maneira civilizada como as pessoas se comportam aqui em grandes eventos. Mas creio que podem imaginar que vivemos um sonho durante 21 dias e mais os dias das Paralimpiadas, sendo que esta foi uma celebracao muito mais Londrina do que internacional. Sempre assisti as Olimpiadas pela TV com certo descaso. Mas quando voce esta no meio do turbilhao e impossivel voce nao se contagiar e querer participar . Nao ha como voce nao se emocionar, mesmo que nem consiga ingressos para assistir a uma so modalidade esportiva. Ouvi reverencias sobre isso ate das pessoas mais ceticas e menos interessadas nos jogos. Eu tive a sorte e persistencia de conseguir ingressos para assistir o hipismo ( adestramento ) com um ano de antecedencia pois era uma das minhas competicoes favoritas seguidas pela ginastica. Durante os jogos, quando nao estavamos trabalhando ou em shows com amigos estavamos em locais aberto assistindo a transmissoes ao vivo. Era impossivel voce nao estar envolvido. E facil de entender tanto otimismo quando voce presencia algo que sera muito dificil de ser superado que e o grau de perfecionismo que conseguiram atingir aqui em todos os aspectos e principalmente o trabalho de conscientizacao do povo. Portanto, estes ultimos dois meses foram realmente de festas e nao consegui ter a concentracao necessaria para pensar em um so assunto ja que era um bombardeio de coisas acontecendo o tempo todo. Agora voltando ao ritmo menos acelerado poderei focar em assuntos que tenham algum interesse para voces.